Brinquedos sexuais: Incremente sua vida sexual com vibradores e outros brinquedos

 

Os brinquedos sexuais são uma ótima maneira de apimentar um relacionamento sexual que já caiu na rotina, manter uma vida sexual que já é ótima, ou encontrar novas maneiras de trazer prazer para você e seu parceiro. Algumas pessoas podem sentir-se envergonhadas ou nervosas ao trazerem brinquedos sexuais para o quarto, mas se falar primeiro com o seu parceiro sobre o seu nível de conforto com a ideia, poderá descobrir que ambos estão dispostos a tentar.

Tipos de brinquedos sexuais

Vibradores e outros brinquedos sexuais podem ajudar a aumentar o prazer e a intimidade na relação sexual de um casal, pois auxiliam principalmente nas habilidades sexuais das pessoas. Eles também podem aumentar o prazer individual e do casal, enriquecendo o repertório de prazer.

Mas não se limite a experimentar somente vibradores quando há tantos outros objetos e produtos disponíveis:

Bolas de Ben Wa: São um conjunto de bolas de metal que são colocadas dentro da vagina e vibram quando as duas bolas entram em contato umas com as outras. As bolas Ben Wa podem ser usadas apenas por mulheres ou por casais.

Preservativos com efeitos: Eles são uma novidade que vai estimular o uso até para aqueles que torcem o nariz para camisinha, pois causam diversos efeitos durante o sexo, que estimulam e fornecem mais prazer. Alguns estimulam o interior da vagina para uma melhor sensação durante a relação sexual, outros retardam a ejaculação, além de possuir sabores.

Anéis ou extensores do pênis: Esses brinquedos sexuais podem ajudar o pênis a parecer maior. Um anel peniano também pode ajudar uma ereção a durar mais tempo.

Cosméticos sensuais (com aromas, sabores e texturas): também podem ser usados como ajudas sensuais. Eles podem fazer a pele sentir-se macia e suave, e saborizam a pele para sexo oral ou beijar o corpo. Eles também podem ser usados como lubrificantes.

Segurança de brinquedo sexual

Alguns brinquedos sexuais são feitos de materiais porosos, e os poros dificultam a limpeza total do brinquedo; portanto, lembre-se de sempre colocar um preservativo no brinquedo sexual antes de usá-lo e retirá-lo quando terminar — isso contribuirá para uma melhor higiene.

Certifique-se de que os brinquedos estão sempre limpos adequadamente para que o sexo com as ajudas sexuais permaneça seguro e higiênico. Infecções e outras doenças podem

ser transmitidas através de brinquedos sexuais, da mesma forma que durante relações sexuais desprotegidas.

Se você estiver usando o mesmo brinquedo sexual para penetração vaginal e anal, então você deve usar um novo preservativo para cada um. Isso evita a transmissão de infecções a partir do ânus para a vagina.

Falar sobre brinquedos sexuais

Lembre-se de que ter uma comunicação aberta e honesta é fundamental. Faça uma pesquisa, aprenda sobre os diferentes produtos e brinquedos sexuais que estão no mercado. Quando você e seu parceiro decidirem que é a hora certa, saiam e compre um brinquedo sexual. Comece uma jornada segura, divertida e emocionante para aumentar o prazer em seu relacionamento sexual.

Principais conclusões

● Brinquedos sexuais podem trazer emoção para o quarto.

● Existem muitos tipos diferentes de ajudas sexuais.

● É importante limpar sempre os brinquedos sexuais corretamente.

 

É saudável usar um vibrador?

É saudável usar um vibrador?

Curioso sobre o uso de um vibrador? Você não está sozinha(o). Muitas mulheres recorrem à vibradores para atingir o orgasmo. De fato, segundo pesquisa realizada pela Revista Woman Health americana 53% das mulheres entre 18 e 60 anos que já usaram um vibrador, ficavam mais facilmente estimuladas e eram mais capazes de se lubrificar e atingir um orgasmo.

Então você deve tentar usar um vibrador? Absolutamente sim! É algo saudável e que pode ser facilmente incorporado à sua vida sexual – seja solo ou com um parceiro.

Trazer um vibrador para o quarto pode reviver sua vida sexual, aumentar seu vínculo e muito mais.

Por que é saudável usar um vibrador?

Os benefícios do uso do dispositivo operado por bateria são abundantes. Se você optar por experimentá-lo sozinha, você pode descobrir o que a excita sem sentir nenhuma pressão ou expectativa de seu parceiro. Experimente-o em todo o seu corpo para descobrir zonas erógenas que você pode não conhecer. Descobrir o que é bom para você ajudará a dar mais orientação ao seu parceiro e tornar o sexo mais prazeroso.

Incorporar um vibrador ao seu repertório sexual também pode aumentar seu vínculo com seu parceiro. Qualquer coisa que traga mais prazer à sua vida sexual pode ajudar seu relacionamento. Além disso, ter uma conversa sobre brinquedos sexuais pode promover uma melhor comunicação com seu parceiro em geral.

Como trazer um vibrador para o quarto?

Acha que seu companheiro se oporá ao uso de um vibrador? Pense de novo. De acordo com um estudo publicado em julho de 2009 no Journal of Sexual Medicine , 45% dos homens que já usaram um vibrador, a maioria disse que o fez com sua parceira. Além disso, homens que usaram vibradores tiveram melhor função erétil e ficaram mais satisfeitos durante o sexo do que aqueles que não o fizeram.

Então, como você pode conversar com seu parceiro? Sugira isso como uma maneira de aumentar a diversão que você já está tendo. Tranquilize seu parceiro que seu desejo de usar um vibrador não tem nada a ver com o desempenho dele. Lembre-se de que ele é quem te provoca excitação e que o vibrador é apenas uma ferramenta para ajudá-lo ao longo do caminho. E lembre-se: você não precisa usá-lo durante toda a relação sexual.

Quando ambos estiverem prontos, compre um vibrador que seja confortável para você. Então, brinque com ele para descobrir o que é bom. Use-o consigo mesma ou com o outro – e não tenha medo de deixar o seu parceiro assumir a liderança.

Principais conclusões

* Estudos mostram que cerca de metade das mulheres e homens já usaram um vibrador.

* Usar um vibrador pode ajudá-la (o) a descobrir zonas erógenas das quais você talvez não saiba.

* Usar um vibrador sozinha pode ajudá-la a descobrir o que a excita.

* Um vibrador pode ser usado sozinha ou com um parceiro.

 

Fantasia Feminina: Sexo Com Dois Homens

Menage à Trois antes era uma fantasia masculina comum. Mas, e quando uma mulher deseja fazer sexo com dois homens ao mesmo tempo? O que envolve esta fantasia feminina? Será que é tudo como se imagina?

Mitos

Muitas mulheres e homens acreditam que estar uma mulher e dois homens na cama implicam que eles sejam homossexuais ou bissexuais. Cultura? Moral? Machismo? Talvez haja muito de tudo isso envolvido. Por que no imaginário masculino o sexo entre eles e duas mulheres pode ser normal e o contrário não?

De fato, e sem preconceitos, o sexo entre uma mulher e dois homens pode ser feito com dois homens afim de agradar os desejos e fantasias de uma mulher. Por que não?

Definindo os parceiros:

 

  1. Por afinidade – Aquele seu P.A (amigo que você sempre faz sexo casual) que possui em sua turma um colega gato e que te atraia pode ser um bom começo para realizar sua fantasia. Provavelmente, um cara que faz sexo casual com você já possui intimidade suficiente para que você possa chegar neste assunto.
  2. Casas de Swing – Os frequentadores das casas de swing estão mais preparados para nova aventuras sexuais – tanto homens quanto mulheres. Sejam casais ou solteiros em busca de sexo sem compromisso, são pessoas que em sua maioria sabem respeitar os limites do outro, mais liberais e com menos neuras sobre tabus no sexo. Mantenha sua mente aberta. E, se estiver sozinha á procura de bons parceiros sexuais, vista uma roupa sexy e se permita conquistar quem lhe atrair.
  3. Seu corpo, suas regras
  • É você quem dá as regras: é um ato corajoso ter 2 homens na cama com você, então conduza toda a ação. Defina limites e mostre o que e como quer as coisas na cama – e aqui vale usar da sutileza e da linguagem corporal;

 

  • Saiba interagir: A conexão com os dois tem que ser igual. Use a imaginação neste momento. As carícias e os agrados neles devem ser de modo que você consiga receber e dar prazer simultaneamente. Se permita! Você tem muitas zonas erógenas no corpo, deixe que eles desfrutem delas juntos. Vale penetração dupla (anal e vaginal), sexo oral, masturbação, uso de brinquedos eróticos, e tudo mais que essa fantasia permitir;

 

  • Lubrificante e proteção: Se há algo obrigatório nessa brincadeira é que todos estejam muito bem lubrificados e portando um bom estoque de camisinhas, afinal, dar conta de dois homens não é simples e nem indolor. Usar lubrificante vai te ajudar seja numa masturbação manual ou na penetração anal;

  1. Lubrificante Íntimo Siliconado Deslize (a Sós)- Semelhante à lubrificação natural, é discreto, seguro, não causa irritação e de fácil remoção – 24,90
  2.  Gel Dessensibilizante para Sexo Anal Tabu Conforto (a Sós) – Poderoso dessensibilizante de uso unissex, que faz efeito rapidamente (aplicar com antecedência de 04 a 06 minutos antes do ato sexual).
  3. Gel Extra Deslizante Retardante para Sexo Anal de Longa Duração Liquid Love – Feito à base de água, com textura densa e extremamente deslizante, ele também prolongar a ereção masculina.

 

  • Relaxamento: Estar confortável para uma fantasia deste tipo é fundamental. Escolha um lugar que comporte 3 pessoas e abuse de preliminares bem caprichada. Quanto mais relaxada você estiver, melhor será para os 3.  

 

Faça você também prevalecer suas fantasias. E, se nelas envolver você e 2 homens não se acanhe, tome as rédeas da situação e torne realidade. Você é mulher e você pode!

A verdade sobre o relacionamento de casais swingers

Todas as relações consideradas “liberais” pela sociedade – principalmente os conservadores – tendem a ser vistas com preconceito. Seja as relações de “poliamor”, o sexo a três ou mesmo casais swingers (aqueles que frequentam as casas de swing), é muito difícil para quem está de fora entender essas relações, e como eles atingiram tamanha liberdade junto com o respeito ao modo como decidiram se relacionar.

Estatísticas

Segundo recente pesquisa realizada com casais praticamente das casas de swing, 60% deles relatam ter uma vida mais feliz depois de se tornarem swingers, e este número é ainda maior quando se trata de felicidade no relacionamento, que chega a 90% – devido a mudança benéfica em seus hábitos sexuais.  

Ainda se tratando de casais swingers, o número de separações é 70% menor que os casais “normais” ou monogâmicos – devido a vida ter se tornado mais livre e as relações sexuais menos monótonas.

Dúvidas x Realidade

Definitivamente se você só se vê sendo monogâmico, é muito difícil entender a relação de um casal que pratica o swing. Entretanto, os swingers se colocam como “muito satisfeitos” com seu relacionamento em geral, pois não há fantasia sexual que não possa ser suprida, o prazer é sempre algo que pode ser compartilhado e não há necessidade de mentiras ou desculpas – a relação se baseia na confiança e no comprometimento do casal.

Há também a dúvida sobre o ciúme. Para casal swinger, a opção por este estilo de vida faz ser mais simples trabalhar a honestidade dos sentimentos, até por que eles estão juntos compartilhando suas fantasias, fetiches e aventuras sexuais. Baseados na confiança e escolha, não há espaço para o ciúme ou pensamentos ligados à traição. Genuinamente, o pensamento de um casal swinger é que ambos devem desfrutar do prazer juntos.

Ser normal x ser swinger

Quando pensamos no começo de um relacionamento tudo é novidade. Quando pensamos em um relacionamento de muitos anos é normal pensarmos em rotina, e com ela a probabilidade de um monotonia das relações sexuais.

Há casais que nem mesmo vão ao motel ou abrem sua cabeça ao uso de brinquedos sexuais, acessórios eróticos ou cosméticos sensuais. Deixam a relação “morrer” sem lutar por uma melhora na vida sexual, e neste nível é muito comum haver traição – que apesar de fazer a alegria de um, trás um risco emocional destrutivo para outro.

É cientificamente comprovado que quem de deixa viver novas experiências tem uma melhor qualidade de vida – e isso inclui as experiências sexuais. Por este motivo, os casais swingers tendem a ter melhor comunicação em suas relações – dividindo experiências, aumentando a intimidade e vivenciando um relacionamento melhor de maneira geral.

Ciúmes x Confiança

Existe uma grande diferença entre ciúme e possessividade. É normal em um casal “normal” e até mesmo em um casal swinger haver receio de seu parceiro(a) ter mais prazer com outro – o que caracteriza o ciúme – este “medo” comum de perder o que se tem afetivamente, sem exageros. A possessividade jamais poderá ocorrer na rotina sexual de um casal swinger, pois o ato de aderir a este estilo de vida implica em abrir mão do egoísmo em prol do prazer sexual. Swingers – por opção – separam o sexo do amor. O prazer sexual está na liberdade e o amor é uma parceria sólida, sem mentira, segredo ou traição – onde o prazer é em conjunto – tudo isso baseado na confiança e solidez do relacionamento. Já os casais “normais” – mesmo aqueles que possuem uma vida sexual satisfatória  – os sentimentos estão diretamente ligados a monogamia, ou seja, muitas vezes há muitos desejos suprimidos, o que muitas vezes causa as traições, o ciúme e a desconfiança.

Compartilhando informações

A presença do livre diálogo na rotina de cada casal deve conter muito além de necessidades, vontades, desejos e sonhos – o assunto sexo precisa estar sempre em vogue. Quanto mais abertura melhor. Casais liberais, incluindo os swingers, são mais práticos e livres de julgamentos – tendo a liberdade para o completo prazer sexual.   

Longe de nós estabelecermos qualquer padrão sexual, entretanto, é importante saber que a liberdade sexual está bem longe do desrespeito, traição ou insatisfação no relacionamento. Liberdade sexual tem muito mais a ver com querer viver diferentes prazeres na relação junto a quem se escolheu como parceiro(a).

Por que os homens fantasiam com o sexo com 2 mulheres?

Dentre as maiores fantasias sexuais masculinas desde sempre está fazer sexo com duas mulheres ao mesmo tempo. Em contraponto disso, a maioria deles prefere esconder essa fantasia sexual de suas parceiros por medo de deixar suas parceiras ofendidas com a idéia, fazê-las sentir menos interessantes ou pressionadas a aceitar um menáge à trois. De fato, a fantasia de sexo a três na maioria das vezes nada tem a ver com não ter uma qualidade sexual boa com sua parceira, trata-se mais de um “sonho sexual” incentivado por filmes eróticos que incentivam e aguçam esse desejo na mente masculina.  

Somente se você tiver um parceiro de muita coragem e honestidade isso será proposto a você – dependendo também do quanto liberal ou não ele sabe que você é. Por isso, muito homens mantêm essa fantasia no seu íntimo.

Mas afinal, por que homens desejam tanto fazer sexo com duas mulheres?

Sexualidade masculina na idade adulta

Obviamente essa fantasia à 3 não nasce do nada, Visto que na adolescência o foco do universo masculino é chegar a ter sua primeira transa com uma mulher que aceite fazer sexo em diversas posições e realize fantasias simples, por volta dos 20/30 anos, as experiências sexuais vividas trazem o desejo de maiores desafios que provem a masculinidade e o conhecimento sexual.  

Para os homens desta faixa etária (20/30 anos), há uma necessidade implícita de extravasar o universo das fantasias através da liberdade sexual adquirida. Esta ânsia de novas experiências ocorre como efeito psicológico da pressão social do compromisso sério (como sair de casa, noivar, casar) – criando na mente a busca e a realização de todas as fantasias sexuais possíveis para que não haja arrependimentos ou vontades que não são fáceis de se realizar na rotina de casados.

Na faixa dos 40 anos as possibilidades sexuais do homem variam um pouco. Se solteiros, muitos preferem o sexo casual e sem compromisso – tendo muitas parceiras sexuais. Já leva-se em conta aqui a disposição sexual – que pode cair. E, também, a maturidade sexual que ele já atingiu. Talvez tenha realizado muitas de suas fantasias e ainda querer encontrar uma parceira que tope um sexo a 3. Se já não o tiver realizado.

Sexo a 3: homens x mulheres

Quando se pensa em sexo a 3, por que o mais comum é pensar em um homem com duas mulheres e não o contrário? A resposta para esta questão está principalmente atrelada a extrema competitividade masculina e também o machismo – a maioria dos homens héteros não aceita carícias na região anal.

No imaginário masculino heterossexual, o sexo com duas mulheres é capaz de saciar grande parte de seus desejos: o sexo anal, oral e vaginal. Além da possibilidade de presenciar duas mulheres se tocando e transando. Grande parte dos homens que já realizaram essa fantasia, inclusive, citaram nem quiseram participar ou transar com as duas, preferiram assistir a cena erótica e se deleitar.  

Porém, quando esse cenário se inverte – uma mulher e dois homens – a fantasia normalmente não é bem vinda, e pasmem, nem bem vista pelo universo masculino. As alegações para negar essa situação mais comuns são: a comparação do seu corpo e genitais com o do outro; a possibilidade do contato anal; o sentimento de posse do homem perante a parceira; e principalmente: a possibilidade de sua parceira ter maior prazer com outro homem, muito mais do que com ele.

Se pensarmos na igualdade dos sexos, ainda somos muito assolados pelo preconceito até quando se trata de fantasias sexuais. Mas aí é da escolha de cada mulher se deseja realizar os desejos de seu parceiro, e também os seus. Ou exigir que suas fantasias sejam aceitas, tal qual as dele – afinal há muitas mulheres que também estão abertas a transar com outra mulher.

Há quem não goste?

Ao contrário do que se pensa, há  homens que não se interessam por ver sua parceira com outra mulher – apesar de ser uma minoria. As causas são as mais diversas, dentre elas: considerar desrespeito à sua parceira, ciúme e medo da interação entre elas, e principalmente, não conseguir satisfazer por completo nenhuma das duas mulheres envolvidas – causando constrangimento para ele e para elas.

Expectativa x Realidade

Tudo que está em nossas ideias ou na imaginação costuma ser prazeroso, erótico e perfeito – principalmente porque o que está no imaginário masculino é a alusão apresentada nos vídeos  e filmes eróticos que abordam essa temática. Apesar de gerar muita excitação, a expectativa pode ser muito diferente na realidade dos fatos – e todos se sentirem travados e sem saber o que fazer na hora – fazendo a fantasia “ir por água abaixo”.

As mais populares fantasias masculinas

Tradicionalmente, não somente estar com duas mulheres na cama atrai aos homens. o visual para uma brincadeira dessas conta bastante para colaborar com a excitação dele, e para isso, nada melhor que mexer com seu imaginário com fantasias e lingeries – ou os dois, como mostraremos abaixo:

Fantasia Diabinha

Será que um cara ousado, capaz de um delicioso ménage à trois quer anjinhas na cama com ele? Não! Essa fantasia é ideal para mostrar como se pode pôr muito “fogo” dentro de um quarto.

Fantasia Sado “Sra Grey”

Ocultar um dos sentidos trás muito mais emoção a qualquer brincadeira a 3 – ainda mais quando você está sendo cobiçada duplamente. essa é a fantasia que mais mexe com quem está vendo e com os sentidos de quem está sendo privada de ver – só experimentando.

Fantasia enfermeira

Todo homem gosta de ser cuidado por uma enfermeira sexy. Essa é uma das fantasias mais comuns entre eles. E para brincar a 3, ser cuidado por duas pode ser mais gostoso ainda.

E você? Faria sexo a três? Tem essa vontade? Ou faria como forma de agradar seu parceiro(a)? Conte pra gente.